terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Como é a administração de uma ecovila?

Existem mil caminhos para essa tal felicidade, mas só um tem coração. Foto: Gabriel Dread
O que é uma ecovila?
Como se administra uma ecovila?
Qual a diferença entre uma ecovila e uma comunidade alternativa?
Como acontece a gestão em uma comunidade intencional?

Foram essas inquietações que me levaram a escolher a gestão de ecovilas como tema da minha dissertação de Mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina, que concluí em julho de 2012. Para realizar minha pesquisa, fiz um mapeamento das ecovilas, comunidades intencionais sustentáveis e comunidades alternativas existentes no Brasil. Encontrei referência a pelo menos 99 comunidades ativas no país.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Manifestação de Amor

Manifestantes protestam em frente e em cima do Congresso Nacional (17/06/2913)
Desde junho de 2013, o Brasil foi tomado de assalto por protestos nas principais capitais e em mais de 100 cidades do interior. Nesse artigo, Pedro Angi apresenta sua perspectiva sobre o momento que estamos vivendo atualmente no país, mas em forma de uma mensagem universal que serve a todos os povos em todos os lugares.

É importantíssimo o momento de luta e tomada de consciência da sociedade brasileira, fundamental para formação de um Brasil mais organizado, desenvolvido e justo. Mas o desafio é imenso! São uma série de medidas e posturas que cada um de nós individualmente precisa assumir pra construir, passo a passo, esse país melhor com que sonhamos. Para mostrar ao nosso Governo que exigimos honestidade e transparência, precisamos ser capazes de demonstrar esses valores nós mesmo, dia a dia.

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Festa na Floresta / Soprano



Festa na floresta...


Enquanto houver sol, eu estarei vivo!

Já dizia um passarinho em canto alegre na janela do meu quarto.

Toda manhã ele vinha piar e bater no vidro o bico.

Levanta dorminhoco!

Vê! O dia nasceu,

a alvorada já faz tempo,

clareou o azul do céu!

quarta-feira, 25 de abril de 2012

As lágrimas dos curumims enchem barragens...





Corre o Curumim solto na Floresta
séus pés livres, tocam a Terra.
seus braços soltos, se abraçam sem guerras.
sua barriga, vazia de fome
sua mente não sabe do mal do homem.

Chora o Cacique na aldeia
vê seu povo sofrer por mãos de gente feia
gananciosos que tapam os olhos tentando apagar as centelhas.
Pobres não vêm que atingem a si mesmo
quando miram suas armas à gente alheia.

Cresce imponente a Jussara na mata
Cacique pé no chão,
cocar de ancião, sabedoria não falta
Curumim sobe alto e colhe muitos frutos
Ceci prepara a terra com os grãos de abatí
jardins regados a lagrimas de luto
pelo que é, e pelo que esta por vir...




Arquivo do blog

| Irradiando Luz -alguns direitos reservados|
Real Time Web Analytics ^